castelos da eslováquia castelos da eslováquia

Castelos da Eslováquia: as principais atrações do país eslavo!8 min read

9 minutos para ler

Você já ouviu falar dos castelos da Eslováquia? Eles pertencem sem dúvida aos melhores lugares para visitar na Eslováquia.

Esses monumentos históricos costumavam ser o lar de lordes, reis e aristocratas da época medieval. Apesar de participar de muitas batalhas heróicas e ataques, muitos dos castelos sobreviveram intactos.

Sendo o país com mais castelos por metro quadrado do mundo, a Eslováquia continua com um ar de terra média, um país lindo e cheio de histórias.

Aqui estão alguns exemplos dos mais belos castelos eslovacos que você definitivamente deve visitar quando viajar para a Europa Central!

Castelo de Spiš

Castelo de Spis
Castelo de Spiš

Este castelo medieval foi construído no século XII e gradualmente cresceu em tamanho para se tornar um centro político, econômico e cultural da região. Ele é um dos principais castelos da Eslováquia, senão o principal.

Infelizmente, o complexo do castelo foi destruído pelo fogo em 1780 e as ruínas nunca foram restauradas à sua aparência original. Cobrindo cerca de 41 mil metros quadrados, pertence aos maiores castelos da Europa.

Filmes como Dragonheart (Coração de Dragão), O Leão no Inverno ou A Última Legião foram filmados nesse castelo.

Devido à sua importância histórica, o Castelo de Spiš foi inscrito na Lista de Patrimônios da Humanidade da UNESCO e você pode visitar este castelo desviando a rota dos Altos Tatras ou fazendo um tour saindo de Bratislava.

Castelo de Bojnice

A menção mais antiga do castelo de Bojnice data do século XII. A reconstrução no século XVII trouxe ao castelo sua aparência romântica e agora é um dos castelos mais visitados da Eslováquia.

Esta popularidade crescente atraiu muitos cineastas internacionais e vários filmes de fantasia, de contos de fada e românticos, como Fantagiro, foram filmados no castelo.

Sob o solo há um grande complexo de cavernas disponível para visitantes durante visitas guiadas.

Castelo de Orava

É surpreendente que os aristocratas da região de Orava decidissem construir o majestoso Castelo de Orava. A parte mais alta da cidadela é em um penhasco íngreme de calcário rochoso 112 m acima do rio Orava, o que o dificultou muito a construção.

A primeira menção do Castelo de Orava pode ser encontrada nos registros históricos de 1267, quando foi declarada propriedade da realeza.

Infelizmente, o complexo do castelo foi destruído por um enorme incêndio em 1800. A maior reconstrução e restauração começou após a Segunda Guerra Mundial, de maneira que, hoje em dia, o castelo é uma das atrações mais visitadas da Eslováquia.

Considerando o valor e a especificidade da arquitetura, o Castelo de Orava foi nomeado um local de patrimônio cultural nacional.

Castelo de Bratislava

O castelo de Bratislava, um grande complexo com quatro torres, fica em um lugar estratégico da cidade – logo acima do rio Danúbio, na capital da Eslováquia.

Conhecido como o símbolo de Bratislava, o castelo é, sem dúvida, a atração mais popular da cidade que você deve visitar durante a sua estadia na Eslováquia.

Os primeiros habitantes conhecidos na colina do castelo eram celtas e romanos e o próprio castelo costumava servir como uma fortificação defensiva para proteger contra os inimigos.

Bratislava e seu castelo tornaram-se uma parte crucial do Império Húngaro e Austríaco. O castelo foi completamente arruinado por um incêndio em 1811 e reconstruído em 1960 para se tornar um monumento cultural nacional.

Castelo de Devín

Situado acima da confluência dos rios Danúbio e Morava, o castelo de Devín sempre desempenhou um grande papel na história do país.

Graças à sua localização e a facilidade de chegar saindo do centro histórico de Bratislava, o Castelo de Devín é, dentre os castelos da Eslováquia, o mais visitado por muitos turistas durante todo o ano.

O castelo foi destruído pelo exército de Napoleão em 1809 e suas ruínas lembram a turbulenta história de batalhas e invasões.

Castelo de Stará Ľubovňa

Castelo de Ľubovňa
Castelo de Ľubovňa

Este castelo está localizado no leste da Eslováquia, logo acima da cidade com o mesmo nome, Stará Ľubovňa.

Construído entre os séculos XIII e XIV, em um penhasco de calcário 711 metros acima da cidade, a 15 quilômetros da fronteira com a Polônia, tornou-se parte do sistema de castelos de fronteira no norte do Reino da Hungria.

Antes de entrar no castelo, não se esqueça de visitar o museu ao ar livre da arquitetura popular sob as muralhas do castelo. O interior está aberto para visitantes durante todo o ano.

Castelo de Trenčín

O Castelo de Trenčín foi construído em um local onde, desde a idade do Bronze, já era povoado e constantemente recebia acampamentos de guerra.

Celtas, tribos germânicas e eslavas viviam neste lugar centenas de anos atrás.

O edifício mais antigo do complexo do castelo é uma rotunda pré-românica datada aproximadamente do período da Grande Morávia. O museu do castelo exibe uma enorme coleção de armas medievais, como espadas góticas, sabres, armas orientais e rifles.

Castelo Smolenice

Demora apenas uma hora de condução para chegar ao Castelo Smolenice, saindo da capital da Eslováquia, Bratislava.

O castelo está situado acima da aldeia de Smolenice e a primeira menção data do século XIV. Foi destruído pelo fogo no início do século XIX e desde então, o castelo esperou por muito tempo para ser reconstruído.

A restauração terminou em 1950 e o castelo tornou-se propriedade da Academia Eslovaca de Ciências. O edifício é usado principalmente para organização de conferências científicas, casamentos e algumas partes do castelo estão abertas para visitantes.

Novo Castelo em Banská Štiavnica

A cidade de Banská Štiavnica está na sua totalidade inscrita na lista de Património Mundial da UNESCO.

Uma das curiosidades da cidade é o fato de que dois castelos estão localizados na cidade – o Castelo Velho e o Castelo Novo.

O Novo Castelo foi construído no século 16 como uma fortaleza principal contra os turcos que invadiram a região. O castelo com 21 canhões tornou-se parte do equipamento de sinalização usado para informar sobre os inimigos que se aproximavam.

Castelo de Strečno

Você simplesmente não pode ignorar o Castelo de Strečno em um rochedo íngreme quando você dirige de Žilina para Martin, no norte da Eslováquia.

O castelo oferece maravilhosas vistas panorâmicas sobre o rio Váh e o vale circundante. As ruínas do castelo destruídas no século XVII estão abertas ao público de abril a novembro.

Castelo de Beckov

Este castelo em ruínas datado do século XIII está localizado na Eslováquia ocidental, na região de Trenčín.

O castelo fica em uma rocha íngreme de 50 m de altura na aldeia de Beckov. O resultado da construção é uma notável harmonia entre o cenário natural e a arquitetura.

Ele está no meio de uma importante rota dos tempos medievais para pessoas e comerciantes. O castelo é um dos poucos castelos que sobreviveram aos ataques de turcos e tropas tártaras.

Castelo de Budatín

O castelo de Budatín foi construído para guardar a confluência dos rios Váh e Kysuca, onde os pedágios costumavam ser coletados. Esta fortaleza real do século XIII pode ser encontrada perto de Žilina, no norte da Eslováquia.

Sua maior e mais antiga parte é a grande torre românica cilíndrica de quatro andares, com elementos da antiga arquitetura gótica e que foi posteriormente alterada no estilo renascentista.

Ele fica no local em que, anteriormente, ficava um castelo de água (aqueles com ponte e jacarés) que guardava a importante rota comercial para a Silésia. No começo era a propriedade real, depois pertenceu a várias famílias nobres.

E eu to brincando pessoal, não tinham jacarés. Eu acho…

Castelo de Krásna Hôrka

Este castelo do século XIII foi amplamente danificado pelo fogo em março de 2012. O incêndio foi acidentalmente causado por dois meninos tentando acender um cigarro, que apagaram na grama da colina e o fogo se espalhou pelo castelo.

Felizmente, a maioria dos tesouros e coleções do castelo não foi danificada, mas o fogo destruiu os telhados, os sinos da torre e a exposição no palácio gótico. O castelo está fechado para o público devido à sua reconstrução.

Castelo Čachtice

Você já ouviu falar sobre a serial killer mais sádica do mundo, Elisabeth Bathory?

Lembrada como “A Condessa do Sangue” ou “Condessa Drácula”, Elisabeth foi considerada uma assassina de mais de 650 vítimas.

Algumas histórias afirmam que Elisabeth tinha uma rotina de banho no sangue das virgens como parte de seu regime de beleza. O castelo de Čachtice foi o lar de Elisabeth e hoje em dia é um lugar perfeito para quem gosta de lugares místicos.

O castelo fica próximo do vilarejo de Čachtice, no oeste da Eslováquia.

Castelo de Nitra

A cidade de Nitra foi uma metrópole do Império da Grande Morávia durante o século IX. O castelo logo acima da cidade data do século XI e consiste em quatro partes – a catedral, o palácio do bispo, as dependências e as muralhas exteriores bem preservadas com baluartes.

O núcleo do castelo é a catedral com a residência dos bispos adjacentes e todo o castelo é acessível ao público. A melhor maneira de chegar é dirigindo até o castelo.

Gostaria de visitar a Eslováquia e ver alguns desses castelos? Pode falar com a gente!

Planeje sua própria excursão e inclua aqueles castelos que você mais gostou em seu itinerário pessoal, estamos aqui para dar um toque também!

Posts relacionados

2 thoughts on “Castelos da Eslováquia: as principais atrações do país eslavo!

Deixe um comentário